Please use this identifier to cite or link to this item: http://rigeo.cprm.gov.br/jspui/handle/doc/21623
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorFREITAS, Luís Carlos Bastos-
dc.contributor.authorMONTEIRO, Felipe Antônio Dantas-
dc.contributor.authorFERREIRA, Rogério Valença-
dc.contributor.authorMAIA, Rúbson Pinheiro-
dc.contributor.authorVERÍSSIMO, César Ulisses Vieira-
dc.contributor.authorCASTRO, Henrique Sampaio de-
dc.contributor.authorXIMENES, Celso Lira-
dc.contributor.authorMARQUES, Marcelia-
dc.date.accessioned2020-03-09T18:50:35Z-
dc.date.available2020-03-09T18:50:35Z-
dc.date.issued2019-
dc.identifier.citationFREITAS, Luís Carlos Bastos; MONTEIRO, Felipe Antônio Dantas; FERREIRA, Rogério Valença; MAIA, Rúbson Pinheiro (org.). Projeto geoparques: geoparque Sertão Monumental: proposta. Fortaleza: CPRM, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttp://rigeo.cprm.gov.br/jspui/handle/doc/21623-
dc.description.abstractDiante da crescente proposta de valorização da geodiversidade, vários sítios geomorfológicos têm-se sido considerados importantes, quer por seu aspecto estético e paisagístico ou resguardar informações acerca do passado do planeta, ou ainda por possuir informações de caráter arqueológico e paleontológico. Alguns desses lugares, tem sido apresentados como propostas viáveis para estabelecimento de políticas conservacionistas através da criação de geoparques. A necessidade de preservação das paisagens onde o relevo é o elemento central surge no contexto da preservação da geodiversidade, e associado a essa, toda o complexo físico-territorial associado. Entende-se por esse, o substrato físico natural e os aspectos sociais, históricos e culturais locais. Nesse sentido, a presente proposta, apresenta o território dos inselbergues, situados nos municípios de Quixadá e Quixeramobim no semiárido cearense como uma proposta de Geoparque. A área é dominada por um amplo mostruário de paisagens graníticas com destaque para campos de inselbergues de diferentes tipos e tamanhos. Desprovidos de qualquer cobertura pedológica, os inselbergues exibem associações graníticas típicas do plutonismo, como textura pórfira apresentando fenocristais de feldspato e incipiente ou ausente foliação. Escarpas íngremes esculpidas por feições de dissolução do tipo caneluras onde habitam bromélias, ornamentam a superfícies mais dissecadas. Em outros casos, feições de fraturamento são responsáveis pelo colapso de blocos que origina formas curiosas, como a pedra da galinha, símbolo da cidade de Quixadá. Vinte Geossítios e sítios da geodiversidade foram selecionados nesta proposta e quantificados segundo a metodologia do Geossit do Serviço geológico, tendo como resultado dois geossítios de relevância internacional, onze sítios de relevância nacional e sete sítios de relevância local/regional.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherCPRMpt_BR
dc.subjectGEOPARQUESpt_BR
dc.subjectGEOTURISMOpt_BR
dc.subjectCEARÁpt_BR
dc.subjectSERTÃO MONUMENTALpt_BR
dc.subjectGEODIVERSIDADEpt_BR
dc.subjectQUIXADÁpt_BR
dc.subjectQUIXERAMOBIMpt_BR
dc.subjectINSELBERGUESpt_BR
dc.subjectMONÓLITOSpt_BR
dc.titleProjeto geoparques: geoparque Sertão Monumental: propostapt_BR
dc.typeTechnical Reportpt_BR
dc.localFortalezapt_BR
Appears in Collections:Relatórios Internos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Relatório SERTÃO MONUMENTAL_20_12_19_rev_.pdfproducao institucional7,88 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.